Portal de Notícias Demonstrativo - Sua fonte de notícias na cidade de ...

Domingo, 19 de Maio de 2024
King Pizzaria & Choperia
King Pizzaria & Choperia

Saúde

Cobertura da atenção básica de saúde cresce 72,5% na atual gestão municipal

Marcada durante a pandemia da Covid-19 como um dos epicentros da doença, a cidade de Manaus, nos últimos três anos, deu a volta por cima quando o assunto é a Atenção Básica de Saúde.

No Faro da Notícia
Por No Faro da Notícia
Cobertura da atenção básica de saúde cresce 72,5% na atual gestão municipal
Fotos – Arquivo / Semcom
IMPRIMIR
Espaço para a comunicação de erros nesta postagem
Máximo 600 caracteres.

Marcada durante a pandemia da Covid-19 como um dos epicentros da doença, a cidade de Manaus, nos últimos três anos, deu a volta por cima quando o assunto é a Atenção Básica de Saúde. Graças aos investimentos realizados pela gestão David Almeida, foram entregues 71 unidades de saúde totalmente reformadas ou construídas do zero. Assim, de acordo com dados do Ministério da Saúde, houve crescimento na cobertura da Atenção Primária à Saúde (APS) de 72,5%, saindo de 47,24%, em 2021, para 81,5%, em abril de 2024, superando a média nacional, que é de 78% de cobertura.

 

Para a titular da Secretaria Municipal de Saúde (Semsa), Shádia Fraxe, esse crescimento só é possível graças à importância dada pelos gestores da Prefeitura de Manaus ao tema, uma vez um dos grandes compromissos firmados pelo prefeito David Almeida foi qualificar a atenção básica e ampliar o acesso da população aos serviços de saúde.

Publicidade

Leia Também:

 

"Nos últimos anos, transformamos a realidade da rede de atendimento de Saúde da cidade de Manaus. Isso não seria possível sem a orientação do prefeito David Almeida que não mediu esforços para mudar a imagem deixada pela pandemia do coronavírus. Hoje, Manaus é referência para o Brasil quando o assunto é a Atenção Básica e isso passa muito pelos investimentos realizados para melhorar os instrumentos de atendimento", afirmou Shádia.

 

Até a primeira quinzena de maio deste ano, 71 unidades de saúde foram entregues pela gestão, sendo 67 revitalizações e reformas, e quatro construídas. Os números impressionam ainda mais visto o crescimento obtido no número de atendimentos individuais realizado em 2023, de acordo com os dados do Sistema de Informação em Saúde para a Atenção Básica (Sisab), que integra a estratégia do Departamento de Saúde da Família, denominada e-SUS.

 

Em 2021, 895 mil pessoas foram atendidas nas unidades de saúde do município. Já em 2023, a marca teve um crescimento de quase 15%, ultrapassando um milhão de pessoas atendidas.

 

Previne Brasil

 

Outra marca importante alcançada pela Prefeitura de Manaus foi no ranking do Previne Brasil, programa do Ministério da Saúde que mede a qualidade dos serviços de Atenção Básica nos municípios brasileiros e serve de parâmetro para o financiamento das ações de saúde executadas em nível municipal. A capital manauara ocupa o topo da lista entre as capitais desde o último quadrimestre de 2021. No total, já foram sete premiações.

 

Para  a  nota,  o  programa  considera,  atualmente,  o  desempenho  do  município  em  sete  indicadores:  gestantes com pelo menos seis consultas de pré-natal, sendo  a  primeira  realizada  até  a  12ª  semana  de  gestação;  gestantes com exames para sífilis e HIV; gestantes com atendimento odontológico realizado; mulheres com coleta de exame citopatológico na APS; crianças de 1 ano de idade vacinadas com a pentavalente e contra a poliomielite; pessoas com hipertensão, com consulta e pressão arterial aferida no semestre; e pessoas com diabetes e hemoglobina glicada solicitada no semestre.

 

Visitas domiciliares

 

Parte deste crescimento, os Agentes Comunitários de Saúde (ACSs) exercem um papel fundamental nas ações de vigilância epidemiológica, prevenção e promoção da saúde, com a integração entre a rede básica e a coletividade e ampliando o alcance da assistência na capital.

 

Atualmente, a Semsa conta com 1.679 ACSs na rede de Atenção Primária à Saúde (APS). Os profissionais de saúde atuam mais próximo da população, realizando visitas domiciliares e comunitárias, com enfoque na prevenção a doenças e na promoção da saúde, de modo a ampliar o acesso dos usuários do Sistema Único de Saúde (SUS) aos serviços da atenção básica.

 

A gestão de David Almeida vem apoiando a qualificação de ACSs e ACEs que atuam na rede primária, por meio do Saúde com Agente (PSA), parceria da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS), com o Ministério de Saúde e o Conselho Nacional de Secretarias Municipais de Saúde (Conasems). Em agosto de 2023, o projeto realizou a formatura de 394 agentes, sendo 207 ACSs e 187 ACEs, em cursos técnicos em suas respectivas áreas, após dez meses de atividades.

 

 

-- -- --

Texto – Thiago Fernando / Semcom e Divulgação / Semsa

Comentários:
No Faro da Notícia

Publicado por:

No Faro da Notícia

Lorem Ipsum is simply dummy text of the printing and typesetting industry. Lorem Ipsum has been the industry's standard dummy text ever since the 1500s, when an unknown printer took a galley of type and scrambled it to make a type specimen book.

Saiba Mais
King Pizzaria & Choperia
King Pizzaria & Choperia
Portal
Portal

Crie sua conta e confira as vantagens do Portal

Você pode ler matérias exclusivas, anunciar classificados e muito mais!